Estatísticas bonitas ao gosto do freguês

As bases de dados e fontes de informação económica são cada mais fáceis de aceder. Sobretudo por causa de organismos como o FMI, OCDE, Nações Unidas ou Reserva Federal dos EUA, qualquer pessoa com conhecimentos básicos de economia consegue comparar taxas de crescimento económico entre países ou perceber como evolui a inflação nacional.

Desde há algum tempo que alguns organismos começaram a apostar em fontes interactivas em formato gráfico. Um dos mais úteis é o IMF DataMapper, uma base de dados que reúne a informação da publicação anual do FMI, o World Economic Outlook, e a apresenta de forma inovadora. Se quisermos comparar níveis de vida regionais, só temos de seleccionar o indicador ‘GDP per capita PPP’ e o período temporal relevante. O resultado é um mapa de distribuição de riqueza e um gráfico longitudinal (clicar para aumentar).

A OCDE também tem um gráfico interactivo, mais simples e com dados menos actuais. A título de exemplo, a diferença de produtividade por hora trabalhada relativamente aos Estados Unidos.

A Organização Mundial do Comércio apresenta indicadores mais específicos, igualmente em forma de mapa. Em baixo, comércio em percentagem do PIB, segundo o WTO trade and tariff indicators.

E, para acabar, a inflação da Zona Euro, apresentada pelos Interactive Graphics do BCE.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s